quinta-feira, junho 07, 2007

Os sonhos podem tudo?


Desejava, porque desejava
ser princesa, rainha, até fada
bela, sereia, ave, heroína
salvar, ser salva, ser amada.
Não me lembro nunca de ter desejado
ser bruxa, vilã,
dragão, (dragã?)
monstro, pesadelo
carrasco, madrasta.

Estou aqui a sentir a solidão
dos não sonhados
mesmo sabendo que
(olhando o mundo)
alguém se distraíu
e às vezes os imaginou
imaginou, imaginou, imaginou
até poderem ser tocados.

Prometo desejar hoje
ser todos aqueles
que nunca sonhei.
E, quando os chegar a ser,
deixá-los lindos, puros
perfeitos
corrigidos
emendados
com outro sonho
que sonharei.

Os sonhos podem tudo.
E na palavra tudo
não cabe a palavra quase.

(Ou quase não cabe...)




www.vladstudio.com

5 comentários:

JMA disse...

Como o poeta, dmito que o sonho comanda a vida (primeira. Sempre na esperança de que se torne realidade.

3za disse...

Pois... é o motor que nos faz caminhar com sentido. O mundo pula e avança...

Obrigada pela visita!

Ilda disse...

Lindo...Posso "roubá-lo" para o oferecer a uma pessoa que está quase a concretizar um dos seus sonhos? :D
beijocas***

3za disse...

Claro que siiiiimmmm!!!!!!

Beijinhos

BC disse...

Já o poeta dizia,"O sonho comanda a vida".Para mim é assim mesmo, sonhar, voar,o mar as gaivotas.
Uns realizáveis outros não.
Se poder passe pelos meus poemas
Um beijo e um sonho...
BC