domingo, novembro 23, 2008

Nenhuma diferença

Experimenta fechar os olhos
para veres o que eu vejo
sal na água das nuvens
borboletas navegando
céu no fundo do mar
sol em qualquer lado
tu seco ou molhado
e nenhuma diferença
entre voar e nadar



6 comentários:

izzie_tisha disse...

Levas me sempre para terras perdidas... muitas vezes só tu me fazes sonhar. Obrigada! =)

3za disse...

Ohhh izzie.... afinal a minha mão-poema consegue mimar de longe. É tão bom saber... Tão bom... Agradeço eu o carinho de mo fazeres saber...
Beijinho

Marina disse...

Obrigada pelo link la do outro lado que me fez vir até aqui.
[E pela musica da Mafalda que me ficou a ecoar na cabeça!]

Queria tanto ler tudo...
Mas tenho umas planificações abertas numa janela aqui ao lado que não me deixam "aproveitar" mais tempo...

Beijinhos 3za.
Gostei mesmo muito.

3za disse...

É a tal saudade... tem de ficar sempre um desejo por cumprir... :)
Beijinhos e obrigada pelas visitas..

Juliette disse...

3za!
Maravilhoso...

3za disse...

:)